“Avenida Samba Canção” celebra musicalidade de sambas enredo no Espaço Rogério Cardoso

Música

Show em homenagem ao samba e à cidade onde ele nasceu, o Rio de Janeiro, com Igor Eça (voz, violão), Verônica Sabino (voz), Mingo Araújo (percussão) .

O espetáculo ressaltará toda a musicalidade e a poesia dos sambas enredo, que fica um pouco escondida no andamento (cada vez mais) acelerado na Marquês de Sapucaí.

“O samba enredo narra uma história, muitas vezes com letras primorosas que, com o ritmo das baterias e a plasticidade das alegorias, acabam não sendo as únicas estrelas do desfile. Quero que sejam cantadas e tocadas mais lentamente e com arranjos que destacam as palavras, jogando o foco na poesia dessa história”, explica Igor Eça, idealizador, diretor musical e arranjador do espetáculo.

O roteiro traz sambas emblemáticos que todo mundo sabe cantar, como “Das maravilhas do mar, fez-se o esplendor de uma noite”, de Davi Correia e Jorge Macedo (Portela, 1981), “Sonhar não custa nada”, de Paulinho Mocidade, Rico da Viola e Moleque Silveira (Mocidade, 1992), “Caymmi mostra ao mundo o que a Bahia e a Mangueira tem,” de Ivo Meireles, Paulinho e Lula (Mangueira, 1986) e “Domingo”, de Aurinho da Ilha, Ione do nascimento, Adhemar Vinhaes e Waldir da Vala (União da Ilha, 1977).

Para além de preservar a memória do gênero carioca, o show mostra como os sambas enredos podem soar bonitos e encantar o público fora do período da folia, mostrando toda a beleza destas tramas que nos emocionam na Avenida há tantos Carnavais.

 

Direção: Igor Eça

Elenco: Igor Eça e Verônica Sabino, com a participação de Mingo Araújo

Dias da semana: Quinta

Elenco Quando Ingressos Endereço