Teatro Glaucio Gill recebe “Maratona de Nova York”

Drama

Dois personagens, Steve e Mario, por volta dos 30 anos. Durante o tempo da peça, em ato único, dedicam-se a única ação central: correr.

Nesse percurso, de vários andamentos, mas sempre orientado pela ânsia da superação, rememoraram poucos e determinantes momentos para o sentido de suas vidas.

O ato de uma corrida preparatória, porém, pontilhada por tão precisas quanto premonitórias recordações, é espaço para perguntas sobre o presente: correr para quê? Superar quem? Que mensagem transmitir na chegada?

Percurso cênico, no entanto, que escapa a símbolos fáceis ou a metáforas banais e faz do diálogo - tão concreto quanto provido de sarcasmos, idílios e breves embates reflexivos – o lugar por excelência da ação.

Se é verdade que os personagens, tomados pelo esgotamento de uma irônica corrida sem sentido, foram perdendo as mais elementares referências de seu caminho, aos poucos irão constituindo hipóteses para novos e insuspeitos sentidos ordenadores de outra viagem, realizada, talvez, apenas pela mente de um único e solitário personagem em estado de coma.

Autoria: Eduardo Erba

Direção: Walter Lima Junior

Elenco: Ricardo Martins e Roger Gobeth

Dias da semana: Quarta, Quinta

Elenco Quando Ingressos Endereço