A Fundação Anita Mantuano de Artes do Estado do Rio de Janeiro é uma autarquia vinculada à Secretaria de Estado de Cultura, do Governo do Rio de Janeiro, responsável pela promoção da cultura e pela gestão direta de uma série de museus, teatros e centros culturais, pertencentes à Secretaria.

Criada em 10 de dezembro de 1979,  através da Lei 291/79, a Fundação de Artes do Estado do Rio de Janeiro, resultou da fusão da FUNTERJ (Fundação Estadual dos Teatros do Rio de Janeiro) com a FEMURJ (Fundação Estadual dos Museus do Rio de Janeiro), tendo por finalidade promover, incentivar e amparar, em todo o território do estado, a prática, o desenvolvimento  e a difusão das atividades artísticas e culturais, especialmente nos campos de música, dança, teatro e museologia.

Desde então, ocorreram muitas mudanças, uma delas ocorreu em 2001, após a morte da arquiteta Anita Mantuano, que foi uma importante ativista cultural do estado, e por isso teve como homenagem seu nome incorporado ao da entidade, que passou a se chamar Fundação Anita Mantuano de Artes do Estado do Rio de Janeiro.

Veja aqui algumas das atribuições atuais da FUNARJ:

– Desenvolvimento e aprimoramento artístico, bem como a preservação e aumento das coleções dos museus;

– Criação de ações educativas e culturais e de novas unidades mantidas pelo Poder Público ou pela iniciativa particular;

– Formação dos profissionais da área, bem como pesquisa de novas linguagens no campo das artes;

– Celebração de convênios, contratos e outros ajustes equivalentes com entidades públicas e privadas;

– Promoção de exposições itinerantes, cursos, seminários e visitas orientadas para a comunidade ou descoberta de novos valores para o mundo das artes;

– Produção de material visual, tônico e gráfico em consonância com o planejamento aprovado.

 

Organograma