A Viagem de Inverno de Schubert na Sala Cecília Meirles

Música

Dois importantes artistas apresentam um dos mais importantes ciclos de canções de Schubert, die Winterreise – Viagem de Inverno.

Die Winterreise – A Viagem de Inverno – é, sem dúvida, um dos ciclos mais importantes de toda a História da Música, quer por sua construção musical, de grande simplicidade, como por sua profunda densidade psicológica. Composto por Schubert em 1827, tem como base 24 poemas do seu contemporâneo, o poeta Wilhelm Müller (1794-1827), trata das vivências e reflexões de um viajante que, alvo de profunda desilusão amorosa, parte de sua aldeia, tendo o inverno por companhia. Com temas predominantemente sombrios e tristes, caracteriza-se pelo uso sistemático de tonalidades menores. Dos 24 lieder que compõem o ciclo, apenas 8 se encontram em tonalidades maiores.

À medida que o ciclo se desenrola, percebemos que o jovem se aproxima de seu fim. Próximo à morte física, único modo de dar fim a seu sofrimento emocional, a música revela aspectos emocionais próprios do seu compositor: sua alma, suas dores, suas agruras. Esta é a viagem de quem chega ao fim da sua vida. Uma viagem de inverno em perspectiva dimensionada, universalizada. Uma profunda reflexão sobre o significado da vida e seus sentimentos.

O ciclo é apresentado na Sala Cecília Meireles pelo cantor lírico Licio Bruno, Prêmio Carlos Gomes 2004 e um dos mais célebres artistas brasileiros. Quem o acompanha é o pianista Marcelo Verzoni, descrito pelo jornal Nurembergue, como “um pianista muito diferente: altamente cultivado e possuidor de uma técnica esplendorosa, o que lhe permite tomar andamentos vertiginosos e conseguir mantê-los sem qualquer esforço”.

Elenco: Licio Bruno, baixo-barítono. Marcelo Verzoni, piano

Dias da semana: Quinta

Elenco Quando Ingressos Endereço