‘Cartas Leopoldinas’ ilustram na Sala Cecília Meireles momento musical rico

Música

Entre 1816 e 1822 o Brasil vive um momento fértil do ponto de vista artístico. Chega ao Rio a Missão Artística Francesa, da qual faz parte o compositor Sigismund Neukomm (1778 – 1858), aluno predileto de Joseph Haydn.

Pouco depois, em 1817, desembarca a Princesa Leopoldina, que traz na bagagem obras de seu professor de piano, o compositor Leopold Kozeluch (1747 – 1818), inclusive manuscritos que hoje só existem no Brasil.

As cartas de Leopoldina, encarnada aqui pela atriz Carol Castro, ilustram o momento especialmente rico da música no país, em que a tradição vienense se funde com as modinhas e os lundus brasileiros.

Elenco: Jacques Ogg e Rosana Lanzelotte, pianoforte. Ricardo Kanji, flauta. Alberto Kanji, cello. Carol Castro, narração, como Princesa Leopoldina.

Dias da semana: Sábado

Elenco Quando Ingressos Endereço