Na Sala Cecília Meireles, a Música Moderna

Música

Após atravessar o Barroco, o Classicismo e chegar ao Romantismo de Schumann e Brahms, a Série Sala De Música se volta para a produção musical do fim do século XIX e da primeira metade do século XX.

Chegamos à Música Moderna. Após atravessar o Barroco, passar pelo Classicismo e chegar ao Romantismo de Schumann e Brahms, a Série Sala de Música se volta para a produção musical do fim do século XIX e da primeira metade do século XX. Teremos um programa diverso, com obras para piano solo e para formações de câmara. O pianista Lucas Thomazinho abre o concerto com duas obras populares do repertório para piano: o Tango, do russo Igor Stravinsky e a difícil Toccata de Carmargo Guarnieri. Escrito nos Estados Unidos, o Tango é uma das obras de ritmo mais regular que Stravinsky já compôs. Trata-se de uma obra tonal divertida e que explora diferentes atmosferas sonoras. Na Toccata de Guarnieri, o virtuosismo instrumental é abordado de forma direta. A obra, dedicada à pianista Guiomar Novaes, é cheia de cromatismos e retardos, elementos característicos da música do século XX.

Em seguida, teremos a Sonata em Lá Maior de Fauré. É uma obra inovadora para violino e piano de caráter elegante e cheia de individualidade. Desde a sua a estreia, tem permanecido no repertório padrão como uma das mais populares obras de câmara do gênero.

A difícil Sonata para 2 Pianos e Percussão foi escrita em 1937 e desde a sua estreia firmou-se como uma das obras mais importantes de Bela Bartók. À percussão é dada o mesmo nível de importância que aquele dos pianos, resultando em uma peça desafiadora e virtuosística.

Elenco: Lucas Thomazinho, piano. Bernardo Bessler, violino. Rosana Diniz, piano. Antonio Vaz Lemes, piano. Fernanda Kremer, percussão. Rodrigo Foti, percussão

Dias da semana: Sábado

Elenco Quando Ingressos Endereço