Orquestra Sinfônica Brasileira na Sala Cecília Meireles

Música

Com duas sinfonias de Schubert e um concerto de Stravinsky, a Orquestra Sinfônica Brasileira, sob a regência de Lee Mills, abre a série Orquestras em 2016 na Sala Cecília Meireles, um espaço da Secretaria de Estado de Cultura, no dia 18 de março, sexta-feira, às 20 horas. Este concerto faz parte da temporada artística da Sala Cecília Meireles 2015/2016 patrocinada pela PETROBRAS.

Lee Mills assumiu o cargo de Maestro Assistente da Orquestra Sinfônica Brasileira em 2014, após atuar como diretor musical da Orquestra Sinfônica da Universidade de Towson, em Maryland, por três anos. Vencedor da bolsa da Fundação Georg Solti nos EUA, formou-se em regência orquestral em 2011, tendo como tutores Marin Alsop e Gustav Meier. Foi o fundador da Orquestra de Câmara Divertimento em Walla Walla, Washington, e já atuou à frente das sinfônicas de Saint Louis, Baltimore e Bozeman, dos balés de Moscou e Montana, e de diversos outros grupos.

Programa

Franz Schubert
Sinfonia nº 5 em Si bemol maior, D. 485
I.Allegro
II.Andante con moto
III. Menuetto | Allegro molto
IV.Allegro vivace

Igor Stravinsky
Concerto em Mi bemol (Dumbarton Oaks)
I. Tempo guisto
II. Allegretto
III. Con moto

INTERVALO

Franz Schubert
Sinfonia nº 2 em Si bemol maior, D. 125
I. Largo – Allegro vivace
II. Andante
III. Menuetto. Allegro vivace – Trio
IV. Presto

Direção: Lee Mills (regência)

Elenco: Orquestra Sinfônica Brasileira

Dias da semana: Sexta

Elenco Quando Ingressos Endereço