Orquestra Sinfônica de Barra Mansa e convidados especiais na Sala Cecília Meireles

Música

Comemorando os 100 anos de Bernstein e os 90 de Edino Krieger, a orquestra apresenta um programa com obras destes compositores, além de um concerto e uma peça de Mozart.

Marcos Arakaki é regente associado da Filarmônica de Minas Gerais desde 2011. Bacharel em Música pela Universidade Estadual Paulista, concluiu em 2004 o mestrado em Regência Orquestral pela Universidade de Massachusetts (EUA). Sua trajetória artística é marcada por prêmios como o do 1º Concurso Nacional Eleazar de Carvalho para Jovens Regentes e do Prêmio Camargo Guarnieri, concedido pelo Festival Internacional de Campos do Jordão em 2009, ambos como primeiro colocado.

Nascida no Rio de Janeiro, Vera Astrachan estudou com Arnaldo Estrella. Graduou-se na Escola de Música da UFRJ onde obteve Medalha de Ouro, aperfeiçoando-se posteriormente com Hans Graf e Bruno Seidlhofer em Viena, Ilona Kabos em Londres. É detentora de inúmeros prêmios, entre os quais o Primeiro Prêmio no Concurso Backhaus, dedicado à obra de Beethoven.

Massimo Mercelli estudou flauta com o famoso André Jaunet e com Maxence Larrieu. Com apenas 19 anos, tornou-se flautista principa no Teatro La Fenice, em Veneza, ganhou o Prêmio Francesco Cilea, o Concurso Internacional Gionarte Musicali e o Concurso Internacional de Stresa. Apresentou-se como solista em salas de concertos como o Carnegiel Hall e a Sala Tchaikovsky, em Moscou. Compositores como Penderecki, Glass, Bacalov lhe escreveram obras ou trabalharam com ele.

Elenco: Orquestra Sinfônica de Barra Mansa. Marcos Arakaki, regência. Vera Astrachan, piano. Massimo Mercelli, flauta

Dias da semana: Quarta

Elenco Quando Ingressos Endereço