Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro toca Franck e Mozart na Sala Cecília Meireles

Música

Vinte e dois anos depois de sua inauguração, em 1931, o Theatro Municipal ganhou sua própria orquestra, com músicos recrutados através de concurso. A Orquestra do Theatro Municipal do Rio de Janeiro fez seu primeiro concerto em 5 de setembro daquele mesmo ano, sob a regência do maestro titular Francisco Braga.

Depois de Braga, sucederam-se no comando da OSTM os maestros Henrique Spedini, Mário Tavares, Silvio Barbato, Guilherme Bernstein Seixas, Silvio Viegas, Tobias Volkmann e Cláudio Cruz. O atual titular, Luiz Fernando Malheiro, acumula a função com o cargo de diretor musical do TMRJ.

Ao longo de sua trajetória a OSTM se dedicou, além do repertório sinfônico, às composições líricas e aos balés. Os maiores nomes da regência mundial já dirigiram a orquestra, como Ettore Panizza, Tullio Serafin, Gino Marinuzzi, Gennaro Papi, Albert Wolff, Fritz Bush, Erich Kleiber, Eugen Szenkar, Karl Elmendorff, Hans Swarowsky, Edoardo Di Guarnieri, Antonino Votto, Werner Janssen, Oliviero de Fabritiis, Jean Paul Morel, Francesco Molinari-Pradelli, Eleazar de Carvalho, Ettore Gracis, Jacques Pernoo, Antonio Tauriello, Anton Guadagno, Michelangelo Veltri, García Navarro, Romano Gandolfi, Mstislav Rostropovitch, Neeme Jarvi, Gabor Ötvos e Anton Nanut.

Os vários naipes da OSTM foram responsáveis pela estreia de obras dos principais compositores brasileiros. A própria orquestra foi dirigida por compositores consagrados, como Igor Stravinsky, Paul Hindemith, Heitor Villa-Lobos, Francisco Mignone, Oscar Lorenzo Fernandez, Radamés Gnatalli, José Siqueira, Camargo Guarnieri, Guerra-Peixe e Cláudio Santoro, entre outros.

Elenco: Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Luiz Fernando Malheiro, regência. Moisés dos Santos, clarineta

Dias da semana: Domingo

Elenco Quando Ingressos Endereço