Samba Bom abre Série Olímpica na Sala Cecília Meireles

Música

Criado em 2008, inicialmente para comandar a roda de samba do Trapiche Gamboa, o Samba Bom é um sexteto de respeito formado por músicos atuantes do cenário carioca. Com um repertório repleto de sambas clássicos e outros raros – mas igualmente dançantes – o grupo é formado por Pedro Paulo Malta (voz e tamborim), Luís Filipe de Lima (violão de sete cordas), Tiago Prata (cavaquinho), Alexandre Maionese (flauta, tamborim e voz), Beto Cazes e Fábio Cazes (percussões).

O baiano Dorival Caymmi, nome fundamental na história da nossa música popular, é o homenageado do conjunto Samba Bom neste show montado em 2014 (ano do centenário de nascimento do compositor) e apresentado na noite carioca e em recital único na Cidade das Artes. Um tributo que reúne sucessos desse artista autodidata que tem como principais marcas o caráter brasileiro de sua obra e a originalidade de tudo o que fez.

Este espetáculo faz parte da Série Olímpica. São apresentações de samba de todos matizes, bossa-nova, choro, forró e baião, o Brasil inteiro no palco da Sala, em contribuição aos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro.

Elenco: Pedro Paulo Malta, voz e tamborim; Luís Filipe de Lima, violão de 7 cordas; Tiago Prata, cavaquinho; Alexandre Maionese, flauta, tamborim e voz; Beto Cazes, percussão; Fábio Cazes, percussão

Dias da semana: Terça

Elenco Quando Ingressos Endereço