Série Sala de Música celebra a obra de Brahms na Sala Cecília Meireles

Música

Após as bem-sucedidas edições dedicadas a Bach, Mozart, Schubert, Beethoven e Schumann, é chegada a hora da Série Sala de Música destacar a obra de outro grande nome da música ocidental: Johannes Brahms (1833 – 1897). Brahms foi uma das mais importantes figuras do Romantismo europeu, tento escrito desde pequenas peças para piano até obras orquestrais de grande fôlego.

Para o concerto da Série Sala de Música dedicado integralmente à obra do compositor alemão, um grande time de músicos traça um enorme panorama com obras para piano solo e para piano a quatro mãos, além de um quinteto para piano e cordas.

Abrindo o programa, teremos uma seleção das Danças Húngaras na versão original para piano a quatro mãos, provavelmente um dos trabalhos mais populares de Brahms. A popularidade da obra garantiu que ela fosse posteriormente arranjadas para uma diversidade de instrumentos, por Brahms e por vários compositores.

Na segunda parte do programa, uma das mais importantes obras de câmara de Brahms: o Quinteto em Fá Menor, Op. 34. Este quinteto teve um nascimento complicado: inicialmente escrito para quarteto de cordas, foi posteriormente reescrito numa versão para dois pianos. A transformação final em quinteto de cordas aconteceu apenas dois anos depois, por sugestão de Clara Schumann, tornando-se uma das mais poderosas obras para a formação.

Elenco: Linda Bustani, piano. Lilian Barretto, piano. Cristian Budu, piano. QUARTETO CAMARGO GUARNIERI: Elisa Fukuda, violino; Ricardo Takahashi, violino; Silvio Catto, viola; Joel de Souza, violoncelo

Dias da semana: Sábado

Elenco Quando Ingressos Endereço