Teatro Clássico Japonês de Variedades na Sala Cecília Meireles

Teatro

A Sala Cecília Meireles,  um espaço da Secretaria de Estado de Cultura e da FUNARJ, apresenta na quarta-feira, dia 16 de março, às 20 horas, espetáculo do Teatro Clássico Japonês de Variedades , com os artistas Charaku Sanshotei (contação de histórias cômicas), Michyo Kagami (malabarismo) e Hanna Hayashiya (corte de papel). Estes artistas têm se apresentado no Japão e no exterior, divulgando e preservando esta faceta do rico acervo cultural popular japonês. Realização: Agência Nacional de Cultura do Japão e Setor de Letras Japonesas da Faculdade de Letras da UFRJ. Apoio: Consulado Geral do Japão no Rio de Janeiro, Câmara de Comércio e Indústria Japonesa do Rio de Janeiro e Liga das Associações Nikkeis do Rio de Janeiro.

CHARAKU SANSHOTEI

Charaku Sanshotei é um artista de Rakugo com mais de 50 anos de experiência na tradicional e  popular arte de contar histórias. O artista senta em uma pequena almofada e entretém a plateia contando histórias cômicas, fazendo o papel de narrador e de outras personagens, utilizando-se da mímica e diversos adereços, como um leque e um lenço japonês chamado Tenugui. Ele próprio descreve a sua dinâmica de contar histórias como o desenvolvimento de uma relação entre o narrador e a plateia, e tem em seu repertório mais de 100 histórias. Sanshotei tem se apresentado no Japão e em diversos países, como Austrália, Inglaterra, Arábia Saudita, Vietnã, entre outros, tanto em japonês quanto em inglês.

MICHIYO KAGAMI

Michiyo Kagami é uma artista de Daikagura, arte japonesa tradicional de malabarismo. Estudou no Centro de Treinamento em Artes Tradicionais Japonesas do Teatro Nacional, onde aprendeu a arte do Daikagura, além de danças japonesas e a tocar instrumentos como o Shamisen, o tambor e a flauta. Ao final do curso, entrou para o Rakugo Gaijutsu Kyokai como aprendiz dos Bonbon Brothers, mestres de Daikagura. Iniciou sua carreira nos palcos em 2011 no Asakusa Engei Hall em Tóquio e se apresenta não apenas em teatros, mas também em escolas de ensino fundamental e médio, festas, no Japão e no exterior. Com a carreira internacional em expansão, participou da Expo Japan 2013, em Paris, além de ter se apresentado em universidades filipinas e em Hong Kong. Michiyo Kagami é filiada ao Rakugo Geijutsu Kyokai (Associação de Arte de Rakugo) e ao Daikagura Kyokugei Kyokai (Associação de Malabarismo Daikagura).

 

HANA HAYASHIYA

Hana Hayashiya começou sua carreira em 1997 como aprendiz de Imamaru Hayashiya, mestre de Kamikiri, a arte de cortar papel. Trabalha principalmente com mestres de Rakugo ou fazendo apresentações em festas. A especialidade de Hana Hayashiya é retratar silhuetas humanas, animais, signos do zodíaco chinês, símbolos de sorte e cenas tradicionais japonesas. Foi a primeira mulher de sua associação em 300 anos, e já se apresentou internacionalmente em Paris e Taiwan.

Elenco: Charaku Sanshotei, contação de histórias cômicas Michyo Kagami, malabarismo Hanna Hayashiya, corte de papel

Dias da semana: Quarta

Elenco Quando Ingressos Endereço